Uma vida cheia do Espírito Santo

Efésios 5:1-21

Contexto dos cristãos na cidade de Éfeso quando o apóstolo Paulo escreve a eles sobre o Espírito:        Éfeso era uma cidade composta de judeus que resistiam veemente o Caminho (At.18:8,9).Havia um dos maiores templos da época, o templo dedicado a deusa grega Ártemis (At.18:23), deusa da caça e dos animais selvagens, também conhecido como o templo de Diana. O templo gerava muito lucro à cidade de Éfeso. Os ourives e artífices reagiram por suas fontes de renda serem abaladas.

 

Paulo escreve a cristão que carregavam muitas coisas impróprias àqueles que diziam andar no Caminho. Havia um ranço de imoralidade e de impureza que envolvia toda cidade de Éfeso. As práticas imorais eram vistas como coisas comuns, a ponto deles se tornarem insensíveis (At.4:19,20).

 

O apóstolo Paulo estava despertando os cristãos a não se conformarem com a vã maneira de viver (At.4:22).

 

Uma vida cheia do Espírito Santo tem a ver com o deixar-se ser purificado gradativamente da nossa vã maneira de viver. “Deixem-se” significa permitir que o Espírito Santo tenha o controle e nos transforme a cada dia em uma nova criatura.

 

Trata- se um processo contínuo da ação do Espírito no homem interior, que vai o enchendo de tudo que é santo. Tudo na vida para ser cheio requer tempo, requer ocupar todo o espaço vazio, requernão está furado para ser contido pelo que entra.Um coração furado é um coração em que a palavra de Deus revelada pelo Espírito não faz morada e nem cria raiz dentro da gente.Estamos tão cheios das coisas desta vida, que não há espaço nenhum pra Deus. Nunca se colocar uma gota d’água em um copo que já está cheio.

 

Como o ser cheio do Espírito se processa em nós? (Gl.5:1-21)

  • Quando nos tornamos imitadores de Deus (v.1).Ser imitador de Deus é desejar viver conforme os ensinamentos e princípios de Jesus. Hoje muitos cristãos vivem como admiradores de Deus e não como seguidores.João disse:Se alguém obedece à palavra de Deus,o amor de Deus é aperfeiçoado nele. Aquele que afirma que permanece em Deus, deve andar como Ele andou(I Jo.2:5,6).Não se é cheio do Espírito sem compromisso com as coisas do Espírito.

 

  • Quando o amor de Cristo se torna o nosso modo de viver (v.2).Tem a ver com a nossa relação com o outro.Jesus disse:Assim como vos amei, amai-vos também uns aos outros(Jo.15:12).

 

  • Quando ansiamos viver em santidade (Vs.3-15). Viver a vida própria dos que são santos, purificados pelo Espírito. Não comungar com práticas pecaminosas, mas ter a mente encharcada da palavra da verdade. O salmista diz: Guardei a tua palavra no coração para não pecar contra ti (Sl.119:11).

 

  • Quando deixamos de ser insensatos, e buscarmos compreender qual é a vontade de Deus (v.17).Insensato é quem troca os valores de Deus pelos valores do mundo.

 

  • Viver sob a ação do Espírito Santo como uma experiencia sobrenatural que vai nos tornando mais sensatos, equilibrados e conscientes da importância de depender de Deus (v.18-19).Ser cheio do Espírito é uma experiência sobrenatural porque vem da ação de Deus em nós, mas não é uma ação mística. Tudo que é místico é misterioso, oculto e leva ao descontrole e insanidade. A embriaguez é danosa porque descontrola e leva à libertinagem, mas o ser cheio do Espírito leva à adoração a Deus e consequentemente torna o coração puro e agradável a Deus.

Deixar-se ser cheio do Espírito é deixar-se ser cheio da vontade e da presença de Deus.

Top